O que é Feng Shui?

O Feng Shui é uma ciência milenar chinesa que estuda os efeitos das energias do ambiente, natural e construído, sobre as pessoas, sua saúde, seus relacionamentos, sua prosperidade.

Nós somos parte do Universo e devemos estar em harmonia com ele. O estudo do Feng Shui nos permite manipularmos o nosso ambiente e nos posicionarmos corretamente para que possamos nos beneficiar do fluxo das energias geradas pelo Universo, pela Terra e pelas construções.

O Feng Shui foi desenvolvido pelos Chineses através da observação, ao longo de séculos, dos efeitos das forças do Universo sobre os seres humanos. Os Chineses aprenderam, então, a harmonizar o homem com a Natureza, seu tempo e espaço. O Feng Shui foi criado na China há cerca de três mil anos, e continua a ser enriquecido pelas novas descobertas do homem ao longo dos tempos.

O principal objetivo do Feng Shui é ajudar as pessoas, e esse deve ser o enfoque de todos os praticantes desta ciência.

O que esperar do Feng Shui?

Os efeitos do equilíbrio alcançado com o Feng Shui podem ser sentidos em todos os aspectos da nossa vida. Ele nos ajuda a recuperar e manter a saúde física, emocional e espiritual, harmonizando nossos relacionamentos. O Feng Shui colabora, também, nos aspectos ligados à nossa prosperidade, propiciando o surgimento de novas oportunidades e aumento de ganhos financeiros, além de dar-nos a chance de prevenir problemas legais, brigas ou até mesmo roubos.

Depois que as recomendações sugeridas são postas em prática, os efeitos costumam ser notados de imediato. Não devemos, no entanto, canalizar para o Feng Shui todas as nossas expectativas de mudança, pois nem sempre a fortuna ou a desgraça estão relacionadas somente ao Feng Shui de um imóvel.

Na cultura chinesa compreende-se que as características da vida de uma pessoa são determinadas por cinco fatores:

  1. Ming ou Destino – É o que você traz de antes do nascimento. São as características imutáveis da sua vida, e podem ser identificadas por um mapa astrológico, por exemplo.
  2. Yun ou Sorte – São os períodos favoráveis ou desfavoráveis por que uma pessoa passa durante a vida. Podem ser também conhecidos através da astrologia.
  3. Feng Shui ou Ambiente – A influência do ambiente em que você vive na sua qualidade de vida. Pode ser manipulado pelo homem.
  4. Daode ou Virtude – O que você faz em benefício do seu semelhante e da humanidade. Está associado ao seu desenvolvimento moral e espiritual.
  5. Dushu ou Educação – O quanto você se dedica ao seu aperfeiçoamento pessoal. Inclui o desenvolvimento mental e o auto-conhecimento.

Como podemos observar, o Feng Shui representa apenas uma parcela. Cabe a cada um de nós trabalhar sobre os outros aspectos para atingir uma existência plena.

Como o Feng Shui é Aplicado?

Ao contrário do que costumamos ler em revistas esotéricas, o verdadeiro Feng Shui, praticado na China há milênios, não se utiliza de objetos pré-determinados de cura, como cristais, sinos, espelhos ou flautas. O Feng Shui Tradicional Chinês é muito mais versátil, e pode se adequar perfeitamente às características de um ambiente ocidental contemporâneo.

O trabalho para equilibrar as energias do ambiente é feito com base na Teoria dos 5 Elementos, também utilizada pela Medicina Chinesa. Tudo que existe, seja material ou apenas energia sutil, pode ser classificado em uma dessas cinco categorias energéticas: madeira, fogo, terra, metal e água. A cada fase estão associadas formas, cores e materiais. Cada ambiente possui um tipo específico de energia sutil, que interage com as energias do mundo físico. Quando as energias sutis presentes são nocivas, usamos o elemento indicado como remédio para neutralizá-las. Em ambientes onde as energias sutis são benéficas, utilizamos os elementos adequados para fortalecê-las.

O conceito de Yin-Yang também é de extrema importância no Feng Shui, já que existem ambientes onde deve haver predomínio de energia yang-ativa, como em locais de trabalho e salas de estar, e podem haver ambientes onde a energia yin-passiva é preferida, como em quartos de dormir.

O Feng Shui pode ser utilizado com bom proveito em qualquer etapa da realização de uma nova construção. O ideal é que o estudo do Feng Shui seja feito concomitantemente ao primeiro estudo do projeto, quando são definidas a implantação no terreno, o formato da construção e a posição relativa dos cômodos dentro da construção, bem como as circulações internas. Todos estes aspectos de um projeto podem influenciar favoravelmente o potencial energético de uma construção, se elaborados de acordo com o Feng Shui.

A segunda etapa recomendada para aplicação do Feng Shui seria durante uma reforma ou quando vai ser decorado um novo imóvel. Nesta etapa, podem ser modificados os usos dos compartimentos, as cores dos ambientes e seus revestimentos de piso e parede, conforme a necessidade.

Em imóveis já construídos e decorados pode-se realizar modificações na distribuição de móveis, objetos e cores, obtendo-se bons resultados.

Como se desenvolve uma consultoria?

Para diagnosticar o padrão de energias de um imóvel, precisamos saber sua data de construção e sua orientação em relação ao Norte Magnético. A partir dessas informações, são feitos cálculos que nos permitem determinar com precisão os potenciais de cada setor do imóvel. Devemos observar, também, o ambiente natural e construído, isto é, o entorno da construção e como ele interage com as energias do interior. Podemos ainda pesquisar a compatibilidade das pessoas com o imóvel que habitam, a partir da sua data de nascimento.

É a partir destas informações que vamos sugerir as alterações necessárias, ou nos basearmos para novos projetos. Os efeitos possíveis descritos para os ambientes são somente potenciais, que necessitam da colaboração das formas físicas para se manifestarem. Desta forma, usamos as 5 fases da energia e os conceitos de yin e yang para ativar potenciais positivos e neutralizar potenciais negativos.

Todas as observações feitas numa consultoria são específicas para aquele imóvel, não sendo associadas às direções como regra geral.

Num ambiente elaborado de acordo com os princípios do Feng Shui Tradicional Chinês, a presença dos elementos harmonizadores é imperceptível. O fluxo correto das energias e o equilíbrio do yin e do yang se encarregam de gerar o bem-estar. Para os que permanecem em ambientes equilibrados, somente é possível sentir a leveza e o alto nível de energia do local.

Artigos Relacionados

Florianópolis – Lançamento do Livro Feng Shu... Lançamento do livro Feng Shui  - Terapia de Ambientes de Aline Mendes Florianópolis - 29 de abril - 20h Hotel Praia M...
Avaliação Prévia de Imóveis Você está procurando um imóvel para comprar ou alugar? O Feng Shui pode te ajudar a fazer uma boa escolha. Na hora de escolher uma nova casa, ou com...
Lancamento do livro Feng Shui – Terapia de A...   Lançamento do livro Feng Shui - Terapia de Ambientes, de Aline Mendes 28 de março de 2012 em Porto Alegre - RS Livrar...
Aline Mendes

About Aline Mendes

Arquiteta e mãe de três. Mestre em Feng Shui pelo Feng Shui Research Center - Mestre Joseph Yu. Geobióloga e radiestesista.

One Comment

  1. Mariangela Alves

    Gostei! Objetiva a explicação. Vou estudar mais a respeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assinar o Informativo