fbpx

Não é de hoje que o filósofo Leonardo Boff demonstra sua apreciação pelo Feng Shui. Para ele, o Feng Shui tem muito a ensinar ao Ocidente sobre o cuidado e respeito com os ambientes e as pessoas. Neste novo artigo publicado recentemente em seu blog, é reproduzido o trecho de um livro que traz reflexões a respeito deste tema.

…a filosofia Feng-Shui visa antes o sujeito que o objeto,  mais a pessoa do que ambiente e a casa em si.  A pessoa precisa envolver-se no  processo, desenvolver a percepção do ambiente, captar os fluxos energéticos e os ritmos da natureza. Deve assumir uma conduta em harmonia com os outros, com o cosmos e com os processos rítmicos da natureza. Quando tiver criado essa ecologia interior, está capacitado para organizar, com sucesso, sua ecologia exterior.

A visão chinesa  do mundo privilegia o espaço, à diferença do Ocidente que previlegia o tempo. O espaço para o taoismo é o lugar do encontro, do convívio, das interações de todos com todos, pois todos são portadores da energia Chi que empapa o espaço.

Face ao desmantelamento  do cuidado e à grave crise ecológica atual, a milenar sabedoria  do Feng-Shui nos ajuda a refazer a aliança de simpatia e de amor para com a natureza.

O caminho do amor pode se apresentar de diferentes formas. O Feng Shui é uma delas. Clique aqui e conheça um pouco mais.

Fonte: http://leonardoboff.wordpress.com/2014/02/27/a-sabedoria-chinesa-do-cuidado-o-feng-shui/

 

0


O conteúdo deste site é protegido pela Lei de Direitos Autorais (9.610/98) e pela lei do carma. Deseja reproduzir ou citar? Entre em contato!

Deixe um comentário

Usar conta do...



Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
Rolar para cima